Início » Hortelã-pimenta: saiba como cultivar, cuidar e quando deve colher

Hortelã-pimenta: saiba como cultivar, cuidar e quando deve colher

A hortelã-pimenta é provavelmente uma das ervas mais famosas e seu sabor e aroma podem ser distinguidos até mesmo por um novato na cozinha. É uma erva perene com folhas parecidas com feltro que podem ser usadas para muitos propósitos de cozimento diferentes. Uma vez que existem muitos cruzamentos e híbridos, e existem muitos tipos de hortelã, pode ser mais difícil saber qual tipo escolher.

Aprenda como cultivar, cuidar e quando colher esta erva aromática neste artigo. A hortelã-jardim é, sem dúvida, a mais famosa da lista de espécies existentes. Mentha spicata foi introduzida em outras partes da Europa pelos romanos e agora é muito apreciada e procurada como uma erva aromática. Suas folhas podem ser usadas para fazer chá ou como remédio caseiro para auxiliar na digestão.

Característica principal

Mentha spicata var.crispum é uma planta herbácea perene rústica. Atinge cerca de 60 cm de altura e sua amplitude ainda não foi determinada. Possui pequenas flores rosa-púrpura que crescem em pontas esféricas no final do verão.

As suas pequenas folhas são perfumadas e aromáticas com tonalidades verde-claras, forma oval e enrugada.

Como e quando propagar?

A propagação deve ser realizada no outono ou início da primavera, e as estacas de raiz devem ser cortadas. Por exemplo, sabe-se que o corte de mudas na primavera leva em média 2 semanas para lançar uma nova versão. Por exemplo, você pode cortar estacas de novos galhos que nunca florescem na primavera, o que também obterá bons resultados.

Divida as plantas estabelecidas na primavera ou no outono para que possa propagá-las com mais facilidade. Note-se que no caso da reprodução da semente, apenas no caso do poejo (Mentha pulegium “Ereto”), a semente produzirá a mesma planta, o que é variável em todos os outros casos.

Outra informação a lembrar é que as plantas de hortelã mais saudáveis ​​são aquelas que crescem espontaneamente. Para isso, opte por solos férteis, bem drenados e ensolarados. A hortelã-pimenta cresce bem em vasos e tem um substrato herbáceo adequado.

Certifique-se de substituir os vasos todos os anos para evitar o apodrecimento das raízes e garantir que você obtenha folhas suficientes no próximo ano.

Evite plantar dois tipos diferentes de hortelã no mesmo vaso, pois eles acabarão se cruzando e terão mau aroma e qualidade, você deve controlar isso.

O principal cuidado da manutenção de hortelã-pimenta

Garanta que desbasta no Verão e que fertiliza esta erva aromática com um fertilizante líquido à base de consolda, por exemplo. As partes novas e tenras da hortelã podem ser colhidas ao fim de 6 a 8 semanas.

No que diz respeito à invasão desta fragrante erva por pragas e doenças, o fungo da ferrugem da folha da hortelã-pimenta frequentemente chamado de “ferrugem da hortelã” invade com frequência. A doença é facilmente identificada pelas manchas enferrujadas que cobrem as folhas dessa planta perfumada, que aparecem inicialmente por baixo. Se esta doença aparecer em suas plantas, tente arrancar e queimar as plantas afetadas, ou cubra-as com palha e deixe-as acender.

Através desta método de combate biológico, garantirá que esterilizará o solo e queimará as folhas contaminadas.

Quando colher?

Quando as plantas começarem a crescer, você deve começar a colher folhas de hortelã antes da floração ou após o desbaste. Após a colheita, você pode usá-los para tratar a indigestão. Náusea, cólica Use esta erva aromática para fazer chá.

Este chá é amplamente utilizado para reduzir a febre e ajudar a desinfetar a garganta com gargarejos.

Veja Mais!

Fonte: Aqui na Roça.

Compartilhe rápido por aqui:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

Encantos do Nordeste

© 2021