Início » Bicho Geográfico: Elimine de forma natural com plantas extremamente eficientes.

Bicho Geográfico: Elimine de forma natural com plantas extremamente eficientes.

O bicho geográfico é conhecido cientificamente como (Larvas Migrans Cutânea) e quem já pegou sabe que é um incômodo sem igual, que atinge adultos e crianças.

Transmissão

A transmissão ocorre pelo contato da pele com as larvas, normalmente encontrada na areia e também na grama. A Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) afirma que são comuns em “Caixas de areia, playgrounds, ou outros locais arenosos que sejam frequentados por cães e gatos infestados come vermes adultos, que soltam ovos que acabam se acomodando na areia.

Sintomas

Os primeiros sinais de infecção é um ponto vermelho saliente que fica no lugar por onde a larva penetrou.

Coceira que piora a noite, linhas vermelhas, inchaço e sensação de movimento debaixo da pele também são sintomas do bicho geográfico.

É comum que demorem de minutos até semanas para se manifestarem.

Tratamento

Existem plantas medicinais como hortelã-pimenta, arruda e mastruz que tem propriedades antiparasitárias que são eficientes na eliminação de parasitas como o bicho geográfico.

Essas plantas além de serem poderosas na eliminação de parasitas, também tem efeito bactericida.

Receita 1: Chá de Arruda

Ingredientes:

1 Xícara de água

1 Colher (sopa) de folhas de arruda picadas.

Modo de Preparo e uso:

É importante saber que a parte utilizável da planta são suas folhas e flores, para preparar coloque 1 xícara de água em uma panela e quando ferver apague o fogo. Em seguida acrescente a folhas de arruda, deixe descansar por aproximadamente 30 minutos, coe e beba em seguida. Obs: O ideal é ingerir no máximo duas xícaras de chá de arruda por dia.

Além de beber o chá, você também pode fazer compressa colocando um pano ou gaze molhadas com o chá em cima da parte do corpo afetada (Ou a folha da arruda pisada). Deixando em média de 10 a 20 minutos no local, faça esse procedimento de duas a três vezes ao dia.

(A arruda é contraindicada para gestantes, lactantes e crianças menores de 6 anos)

Receita 2: Chá de mastruz

Ingredientes:

1 Colher (sopa) de folhas, sementes picadas e flores de mastruz

1 Xícara de água

Modo de Preparo e uso:

Ferva a água e desligue o fogo, acrescente a planta, tampe e deixe amornar depois beba, consuma no máximo 2 xícaras ao dia. Você deve beber e também fazer compressa colocando um pano ou gaze molhadas com o chá em cima da parte do corpo afetada (Ou a folha do mastruz pisada). Deixando em média de 10 a 20 minutos no local, faça esse procedimento de duas a três vezes ao dia.

(O Mastruz é contraindicado para gestantes, lactantes e crianças menores de 2 anos)

Receita 3: Chá de Hortelã-Pimenta

Ingredientes:

1 Colher (sopa) de folhas e talos de hortelã-pimenta

1 Xícara de água

Modo de Preparo e uso:

Ferva a água e desligue o fogo, acrescente a planta, tampe e deixe amornar depois beba, consuma no máximo 2 xícaras ao dia. Você deve beber e também fazer compressa colocando um pano ou gaze molhadas com o chá em cima da parte do corpo afetada (Ou a folha da hortelã-pimenta pisada). Deixando em média de 10 a 20 minutos no local, faça esse procedimento de duas a três vezes ao dia.

(A hortelã-pimenta é contraindicado para gestantes, lactantes e crianças menores de 2 anos)

Esse tratamento é muito eficiente devido as muitas propriedades dessas plantas, é só escolher e usar de forma responsável e consciente o poder das ervas ao seu favor.

As informações contidas nesse site referem-se a tratamentos caseiros e não substituem os tratamentos indicados por um especialista. Consulte sempre seu médico.

Veja Mais!

Fonte: Saúde e Natureza

Compartilhe rápido por aqui:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

Encantos do Nordeste

© 2021